quinta-feira, 4 de março de 2021

Arroz com Uvas Passas, Castanha e Salsinha

Esta receita é de dar ‘água na boca’.

 


Ingredientes

·        2 xícaras de arroz Urbano

·        4 xícaras de caldo de frango

·        2 colheres de sopa de manteiga

·        1 dente de alho amassado

·        1 xícara de castanha-de-caju torrada(s)

·        1/2 xícara(s) (chá) de uva passa

·        Salsinha

·        Sal e pimenta

·        ½ cebola picada

 

Preparo

Derreta a manteiga, e refoque a cebola e o alho, acrescente o arroz refogue.

Adicione o caldo de frango e deixe cozinhar. Corrija sal e pimenta.

Após desligado acrescente as uvas passa a castanha de caju e a salsinha mexa com um garfo, deixe descansar por uns 10 minutos e sirva.

 

Aqui no Blog já publicamos uma receita criativa de Arroz de Forno. Confere lá.

 


quarta-feira, 3 de março de 2021

Aprenda a receita de Penne Rigate Alla Norma com Pomodoro



Sempre é tempo de aprender uma receita especial e prática para inovar nas refeições do dia a dia. A marca Barilla ensina como preparar um Penne Rigate Alla Norma com Pomodoro, que reúne ingredientes, aromas e sabores mediterrâneos, como molho Pomodoro, berinjelas, alho, manjericão e ricota, a Pasta Alla Norma é um prato clássico da Sicília, e a opção perfeita para degustar nos dias de verão.



Ingredientes:

500g de Penne Rigate Barilla

1 vidro de molho Pomodoro Barilla

2 berinjelas

2 dentes de alho

3 colheres de salsinha picada

100g de ricota

1 ramo de alecrim

Folhas de manjericão fresco

30ml Azeite de oliva extra virgem

Sal, pimenta do reino preta a gosto

Óleo para fritura



Modo de Preparo:

• Cortar as berinjelas em fatias finas ou em cubos médios e distribuí-las em uma assadeira, colocar sal grosso por cima e deixar repousar por uma hora. Logo depois, secar com papel absorvente e fritar em abundante óleo quente. Retirar o excesso de óleo com papel absorvente.

• Colocar a ricota inteira em uma assadeira, passar azeite na superfície, colocar uma pitada generosa de sal grosso por cima e as folhas do alecrim. Levar ao forno por uma hora, até que a superfície comece a dourar. Esperar esfriar e ralar em ralador grosso.

• Cozinhar a massa Barilla em abundante água salgada até 2 minutos antes do tempo indicado na embalagem e escorrer.

• Em uma frigideira antiaderente, dourar o alho picado no azeite, acrescentar o molho, ferver por um minuto, acrescentar a massa, acrescentar duas conchas da água do seu cozimento e cozinhar pelos minutos faltantes. Desligar o fogo e adicionar um fio generosa de azeite. Misturar bem.

• Colocar as porções no prato e, por cima, servir as fatias de berinjela fritas, juntamente com a ricota ralada e as folhas de manjericão.


Rendimento: 6 porções | Nível de dificuldade: Médio | Tempo de preparo: 40 min


Confira a receita de Macarrão ao Ragu de Linguiça Com Molho de Vinho Dom Bosco. Você vai se apaixonar!






terça-feira, 2 de março de 2021

Espinafre: todas as dicas de cultivo

*Por Valter Casarin

 

Quanto à lenda do Popeye… esqueça! O Popeye não ficou forte com espinafre porque, este vegetal contém pouco ferro - alguns vegetais contêm muito mais deste nutriente. No entanto, o espinafre é um excelente antianêmico, porque contém clorofila, ferro e ácido fólico. A reputação do espinafre está bem estabelecida: ele luta maravilhosamente contra a anemia. O espinafre é recomendado sempre que a perda de sangue exigir um impulso, como no período de menstruação intensa, tosse com sangue etc.

 

O espinafre é especialmente rico em nitratos, que depois são convertidos em nitritos quando mastigados pela boca, e em vitamina B9. O espinafre cru é, por sua vez, rico em vitaminas C. Notaremos também uma boa presença de vitaminas E, pró-vitamina A, potássio, cálcio, magnésio e fibras. Esses nutrientes são de suma importância para a saúde de todos nós. 

 


Cultivo de espinafre por seus benefícios

 

O espinafre é um vegetal que cresce muito bem em vaso ou em jardineira no terraço ou varanda. Para cultivar um bom espinafre, você precisa de solo rico e úmido com alto teor de nitrogênio. Importante encontrar um local fresco no jardim, com sombra parcial. Antes de semear, adicione uma pequena quantidade de solo hortícola, esterco ou composto caseiro.

 

Quando você semear, considere a incorporação de um fertilizante mineral ou orgânico. Isto permitirá um bom desenvolvimento do espinafre. É importante a rega frequente em tempo seco.

 

Semeie em fileiras, em sulcos de 2-3 cm de profundidade e separados por 25 cm. Cubra as sementes com terra para envasamento e turfa para reter a umidade, propício à germinação. Porém, no outono, dispensem essa cobertura, que poderá prejudicá-los por um excesso de umidade. Nesta estação, basta cobrir com terra. O espinafre odeia a seca e o clima quente.
 

Fortifique a terra do espinafre com nitrogênio, para isso use fertilizantes ricos neste nutriente periodicamente. Mantenha seu espinafre afastado de pulgões usando alguns produtos caseiros como extrato de urtiga ou sabão neutro em água. Lembre-se: as plantas daninhas ocupam espaço e aproveitam os nutrientes destinados aos vegetais. Portanto, é importante removê-las regularmente.

 

Colhendo espinafre

 

O cultivo do espinafre é fácil e muito rápido. Você pode colher um mês e meio após a semeadura. A emergência ocorre após duas semanas, desbaste as plantas com 10-12 cm de distância, logo que tenham 3 ou 4 folhas.

 

Ao fazer a colheita de algumas folhas regularmente, você promoverá o aparecimento de novos brotos. Se você arrancar a planta inteira, ela não crescerá novamente. Comece com as folhas de cima para deixar a luz atingir as folhas de baixo.

 

O espinafre é bastante exigente por nutrientes, após seu ciclo, ele poderá esgotar a terra. Portanto, você precisará enriquecer o solo com fertilizante para o início de um novo ciclo da planta. Deixe o solo em pousio por pelo menos uma semana antes de plantar ou semear novamente.

 

O espinafre é comido fresco ou cozido e cultivá-lo você mesmo dá um sabor bem diferente do que conhecemos ...

 

* Valter Casarin, engenheiro agrônomo e coordenador científico da iniciativa Nutrientes para a Vida - NPV


Experimente a receita de  Lasanha de espinafre com molho branco. Uma delícia!

terça-feira, 23 de fevereiro de 2021

Receita de doce fitness: Torta Low Carb de Coco

 Para quem entrou na vida fitness, mas não consegue largar de um docinho, essa receita é ideal 

Treinar, correr, andar de bicicleta...Se você quer emagrecer ou manter o peso, mas não abre mão de um docinho, a chef Patrícia da Paz apresenta uma receita Low Carb, com poucos carboidratos: uma Torta de Coco. Confere os ingredientes e o modo de preparo.



Torta Low Carb de Coco


Para a massa:


50gm farinha de linhaça

50gm farinha de arroz

100gm Farinha de Amendoim

50gm açúcar mascavo

50ml óleo de Coco ou óleo vegetal

 

Recheio:

300ml leite de coco

200gm coco fresco

50gm açúcar mascavo ou demerara

200ml água

noz moscada a gosto

 

Modo de Preparo:


Massa:

misturar os ingredientes secos, colocar o óleo de coco e misturar com a ponta dos dedos até formar uma farofa. Assim que sentir que todos.os ingredientes estão incorporados, abra a massa em uma forma, de preferência que tenha o fundo removível. Leve para.assar em forno pré aquecido em 180gm por .cerca de 15 minutos. Retire após dourar e deixe esfriar. Reserve.

Recheio:

Em uma nela leve ao fogo o coco e o açúcar com metade da água. Deixe cozinhar em fogo baixo. Quando secar, mexa até sentir que começou a caramelizar (neste ponto, você decide se quer o ponto mais escuro ou claro) adicione o restante da água e o leite de coco e deixe ferver mais um pouco até ficar cremoso. Desligue o fogo, acrescente a noz moscada, deixe esfriar um pouco mais e, quando estiver morno, cubra amassa já fria com este recheio. Leve para a geladeira por 2 horas. Se desejar, pode decorar com frutas secas, oleaginosas ou cereais. Aproveite!

Serviço: Patrícia da Paz

Personal Chef

Cozinha Personalizada

Contato: 41. 99779-6086 

Instagram:@chefpatriciadapaz 

 

Confira também esta outra receita de bolo gelado Low Carb.

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021

Tábua de frios: saiba a diferença entre cada tipo de salame e suas melhores combinações

Na elaboração de uma tábua de frios, para acompanhar os salames,
 os queijos são uma saída sem erro
Créditos: Envato Imagens

De origem italiana, os salames estão presentes nas mais variadas receitas ao redor do mundo. Com diversas versões, temperos e formas de consumo, a iguaria se popularizou, principalmente no Brasil. Quase sempre compostos pelo mesmo tipo de carne, que consiste em uma mistura de carne de paleta suína e a gordura de toucinho lomba, são os calibres, temperos e formatos que diferenciam cada variedade. 

O salame tipo italiano, mais popular de todos, precisa de aproximadamente 50 dias de processo para ficar pronto. A coordenadora de produção da indústria de alimentos Alegra,  Marina Manfroi Maschio Kiefer, explica que a granulometria de moagem é um dos fatores que diferencia os tipos de salame. “No salame tipo italiano, o disco de moagem usado tem 6mm. Diferente do tipo hamburguês, que usa 4mm, o que difere na aparência do produto no momento do corte. Além disso, ambos recebem quantidades próximas de gordura, o que muda é somente a forma como ela aparece em cada um”, conta. 

Por ter um calibre maior, característica que auxilia na diferenciação dos tipos de salame, o Hamburguês leva cerca de 60 dias para ficar pronto. Além disso, essa versão ainda conta com pimenta preta em grãos para dar mais sabor ao produto. “O salame tipo hamburguês é um produto com sabor diferenciado. Além da pimenta em grãos, característica que o consumidor nota já no corte, o produto possui diversas especiarias em sua formulação, como noz moscada, coentro e cravo.”, ressalta a coordenadora. 

Já o salaminho, que é uma versão menor do salame Italiano, ganha a vantagem de ter o tempo de preparo mais ágil. “O tempero é o mesmo no salame Italiano e no salaminho, porém, como ele tem um calibre de embutimento de 45mm, diferente dos 70mm usados no italiano, seu processo de preparo dura somente 30 dias”, explica Marina.

Na elaboração de uma tábua de frios, para acompanhar os salames, os queijos são uma saída sem erro. Tipos como Mussarela, Parmesão, Gorgonzola, Brie e Provolone são excelentes opções. E, para complementar, torradas, pequenas fatias de pães e algumas variedades de patês também podem combinar.

Para quem pensa em um prato ainda mais elaborado, acrescentar palmitos, azeitonas, frutas frescas, como morangos e uvas, e ainda alguns legumes, como cenouras, pepinos, tomates e aspargos, pode trazer mais sofisticação e variedade ao cardápio. 

O salame também pode ser apreciado com um belo Pão de Queijo. Mas, também pode acompanhar outros petiscos, como Bolinhos de Tapioca com Queijo Mussarela. Vale a pena experimentar!!!

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021

É coxinha, mas é creme...

 Chef Melchior Neto ensina versão mini da famosa Coxa Creme

O chef Melchior Neto, do Gema Restaurante, preparou essa versão especial da coxa creme, petisco clássico amado por todo o Brasil, usando a coxinha da asa. Venha aprender a preparar esse quitute maravilhoso!

INGREDIENTES

1kg de coxinha da asa

1 colher (sopa) de páprica picante

3 colheres (sopa) de azeite

3 colheres (sopa) de manteiga

Sal a gosto

2 copos de água

2 xícaras (chá) de farinha de trigo

2 xícaras (chá) do caldo do cozimento

2 xícaras (chá) de leite

1 litro de óleo

 


PARA EMPANAR

2 xícaras (chá) de farinha de rosca

2 ovos

MOLHO DE GORGONZOLA E MEL

2 colheres (sopa) de creme de leite

100g de gorgonzola

2 colheres (sopa) de mel

Sal e pimenta do reino


MODO DE PREPARO

Tempere as coxinhas com páprica picante e sal, frite as coxinhas no azeite até dourar. Em seguida adicione a água, tampe a panela e deixe cozinhar em fogo alto por 20 minutos. Desligue deixe esfriar, remova a pele das coxinhas e reserve o caldo. Em outra panela ferva esse caldo junto com o leite e a manteiga, coloque de uma só vez a farinha e mexa até soltar do fundo da panela. Deixe esfriar na pedra e modele as coxinhas.

Passe no ovo batido e empane na farinha de rosca. Frite em óleo quente.

MOLHO

Em uma panela em fogo baixo misture tudo até ficar um creme homogêneo.

Serviço:

Gema Restaurante

Endereço: Rua das Paineiras, 378 – Jardim, Santo André– SP

Telefone Reserva e Delivery: 4436-3773


Uma receita eu você também vai gostar é essa incrível torta de Torta de frango com amaranto orgânico. Confira aqui no Blog!

 

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2021

Parede rabiscada, e agora?

Especialista em pintura dá dicas caseiras de como remover os desenhos das paredes


As paredes de sua casa foram rabiscadas por crianças cheias de dons artísticos e agora você não sabe o que fazer? Isso acontece mais do que se imagina e, em um primeiro momento, pode gerar dor de cabeça para os adultos que precisarem limpar os desenhos sem danificar a pintura da parede. Se este é o seu caso, não entre em pânico, pois essas manchas podem ser realmente muito simples de serem eliminadas. Sejam elas provocadas por giz de cena, lápis de cor, canetinha ou tinta guache.

Conversamos com o André Sprone, um dos fundadores da Mão na Roda, a primeira startup brasileira de serviços profissionais de pintura, atuante em toda a Grande São Paulo, que separou algumas dicas de como remover os desenhos da parede com produtos caseiros:
Óleo de coco: Para remover desenhos feitos com giz de cera, umedeça um papel ou toalha de cozinha com óleo de coco em temperatura ambiente. Esfregue nas manchas até que elas desapareçam completamente.


Pasta de dentes: Coloque um pouco de pasta de dentes em um pano limpo e esfregue sobre a superfície lentamente. Depois, remova a mistura com uma toalha úmida.


Bicarbonato de Sódio: Em uma tigela, misture um pouco de bicarbonato de sódio com água. Pegue uma esponja e deixe de molho no líquido. Esfregue suavemente a mancha de tinta e você verá como ela desaparece pouco a pouco.


Creme de barbear: Este tipo de creme é muito eficaz na remoção de rabiscos na parede. Basta adicionar um pouco sobre a área manchada e, com uma escova de dentes velha, esfregar com cuidado. Remova o excesso com um pano úmido.


Secador de cabelo: O secador de cabelo é perfeito para as pinturas feitas com giz. Ligue o aquecedor e passe o ar quente sobre as manchas de giz de cera. O excesso de tinta é então removido com uma toalha úmida de uma maneira bem fácil.


Sobre Mão na RodaA Mão na Roda é uma empresa que trabalha exclusivamente com serviços profissionais de pintura em São Paulo, e foi a primeira startup brasileira com esse escopo. Com a missão de profissionalizar o setor, conecta clientes a pintores profissionais experientes, além de fazer toda a gestão logística da pintura e fornecer somente materiais de qualidade por meio da sua parceria com a Suvinil.

Quer ideias para a decoração da sua casa? O Glamour e Felicidade já publicou uma matéria sobre o uso da cortiça. Confira e solte a imaginação!