domingo, 31 de outubro de 2021

Ame-a ou deixe-a Reino Unido: vale a pena assistir?

Recentemente escrevi um post sobre Ame-a ou Deixe-a Vancouver, apresentado por Jillian Harris e ‎Todd Talbot, programa que teve 5 temporadas (2013 - 2019) até o momento. Como tem sempre transmissão de episódios repetidos no Discovery Home & Health, eu me arrisquei a assistir a versão Ame-a ou Deixe-a Reino Unido (so Love It or List It  United Kingdon) apresentado por Phil Spencer and Kirstie Allsopp. 


Assisti 5 episódios até o momento, mas me impressionou o estilo totalmente diferente de apresentação e das reformas, bem ao estilo inglês, engraçado e com foco muito no casal de participantes. 

Entre os programas que assisti, teve o trabalho realizado para o casal Steven e Barbara, uma senhora que toca bateria; chamou ainda a atenção o casal Lucy e Matt, que  precisava de uma casa para com espaço para gatas, cachorros e galinhas; teve ainda um casal na Escócia, que além do plano de ter mais filhos, precisava de espaço para os cavalos.


Phil e Kirstie têm algumas metodologias diferentes para conhecer a família para a qual farão o trabalho, como gravá-los alguns dias para entender como é a rotina de uso da casa. Outra coisa é que não tem discussão com construtores/mestres de obras, como Jillian tem com Kenny.  

Ao longo dos episódios, Kirstie dá muitas dicas de decoração, visita antiquários, aposta em liquidações, respeita muito o interior das casas antigas e até economiza grana do orçamento. Nada daquele modelo de decoração ao qual estamos acostumados a ver com o programa de Vancouver ou com os Irmãos à Obra.  

Phil leva os proprietários para ver casas bem bonitas, grandes e em diferentes localidades, mas sempre pensando no bem-estar dos proprietários. Tem muita camaradagem entre os dois apresentadores e a "rivalidade" é levada numa boa.  Até pensei que os dois fossem um casal na vida real, mas não são.   


Outra ação diferenciada dos apresentadores é deixar a família usufruir da casa reformada por alguns dias antes de irem perguntar se vão amá-la ou deixá-la. Achei bem interessante este tipo de abordagem. Os participantes são muito bem-humorados também. Se você ainda não assistiu, aproveite para ver. Acho que vai gostar.  
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário